Sustentabilidade social, sociedade da transparência e o direito de ser humano

  • Sérgio Ricardo Fernandes de Aquino Programa de Mestrado em Direito (PPGD) da Faculdade Meridional - IMED

Resumo

Esta pesquisa tem como objeto de estudo a Sustentabilidade na sua dimensão social. Nesse caso, é preciso identificar se as premissas de uma Sustentabilidade social permitem a efetividade de um “Direito de ser humano” a partir daquilo que se manifesta pelas relações entre as pessoas numa Sociedade da Transparência. O objetivo geral é determinar como a Sustentabilidade Social efetiva o “Direito de ser humano” na Sociedade da Transparência. O método utilizado na fase de investigação foi o Indutivo. Nas conclusões, verifica-se que Sociedade da Transparência prescreve alguns modos de integração prejudiciais às relações intersubjetivas e que devem sofrer necessárias metamorfoses para que haja a amplitude e reivindicação deste “Direito de ser humano”.

Biografia do Autor

Sérgio Ricardo Fernandes de Aquino, Programa de Mestrado em Direito (PPGD) da Faculdade Meridional - IMED
Doutor e Mestre em Ciência Jurídica pela Universidade do Vale do Itajaí. Professor Permanente e Pesquisador do Programa de Mestrado em Direito da Faculdade Meridional – IMED. Coordenador do Grupo de Pesquisa "Ética, Cidadania e Sustentabilidade"
Publicado
03/01/2019
Como Citar
Aquino, S. R. F. de. (2019). Sustentabilidade social, sociedade da transparência e o direito de ser humano. Revista Brasileira De Sociologia Do Direito, 6(1). https://doi.org/10.21910/rbsd.v5n1.2019.277
Seção
Artigos