Terra e colonialismo

Marcos de apropriação privada de terras no Brasil e na Colômbia

  • Luís Felipe Perdigão de Castro Universidade de Brasília (UnB), Faculdades Integradas da União Educacional do Planalto Central (FACIPLAC), Centro Universitário de Desenvolvimento do Centro Oeste (UNIDESC),

Resumo

Resumo

Os conflitos por terra perpassam a história da América Latina, resultantes de processos mais amplos de apropriação e concentração, que se estendem desde o passado colonial. A inserção da terra, sob uma lógica colonial predatória e violenta, reflexão central deste artigo, produziu impactos, forjando sujeitos e lutas que, sob dinâmicas antigas e novas, atravessaram séculos. Partindo desse contexto que aproxima passado e presente, o artigo debate, com base em pesquisa bibliográfica, a inserção da terra sob a lógica colonial, enfatizando os sentidos da violência e da expropriação de terras e sua conexão com processos posteriores, como o land grabbing, ligados à acumulação, controle e consolidação do capitalismo como sistema mundial. O caráter transversal – no sentido de algo que cruza, atravessa e passa, frequentemente, por temas nacionais de Brasil e Colômbia – leva em conta que a América Latina é, de forma geral, uma região que se destaca no mundo pela desigualdade na distribuição. Sob distintas configurações sociais, a terra foi e continua sendo sinônimo de poder e riqueza para quem a detenha, particularmente no Brasil e na Colômbia.

Biografia do Autor

Luís Felipe Perdigão de Castro, Universidade de Brasília (UnB), Faculdades Integradas da União Educacional do Planalto Central (FACIPLAC), Centro Universitário de Desenvolvimento do Centro Oeste (UNIDESC),
Doutorando em Ciências Sociais, pela Universidade de Brasília (UnB). Integra o grupo de pesquisa no CNPq, de Estudos Comparados de Sociologia Econômica, da Universidade de Brasília. Compõe também o grupo de pesquisa BICAS - Iniciativa BRICS de Estudos sobre Transformações Agrárias, da Universidade de Brasília. Coordenador do grupo de pesquisa "Terras e Territórios" do Unidesc. Professor de graduação e pós-graduação, no Unidesc e Faciplac.
Publicado
2021-01-03
Como Citar
Perdigão de Castro, L. F. (2021). Terra e colonialismo: Marcos de apropriação privada de terras no Brasil e na Colômbia. Revista Brasileira De Sociologia Do Direito, 8(1), p. 75-122. https://doi.org/10.21910/rbsd.v8i1.441
Seção
Artigos