Espaço urbano, violência e mulheres negras

Parte 2

  • Fernanda Carolina de Araujo Ifanger Pontifícia Universidade Católica de Campinas
  • Paola Fernanda Silva Mineiro Pontifícia Universidade Católica de Campinas
  • Josué Mastrodi Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Palavras-chave: Espaço urbano, Violência, Mulheres negras

Resumo

O artigo versa sobre a exposição da mulher negra à violência na cidade de Campinas. A partir do artigo “Espaço urbano, violência e mulheres negras: parte 1”, que fundamenta teoricamente o objeto da reflexão aqui apresentada no que tange aos conceitos básicos ligados ao racismo e à condição da desigualdade racial no espaço urbano, foi possível desenvolver esta nova reflexão, agora com foco na mulher negra, sujeita a uma situação de vulnerabilidade social maior do que o homem negro. O artigo tem recorte criminológico, no sentido proposto pela Escola de Chicago, que relaciona a falta de urbanização (falta de acesso a bens e equipamentos públicos) como fator de elevação da criminalidade e da Criminologia Feminista, que relaciona gênero feminino, pobreza e raça negra como fatores discriminatórios que se acumulam. Nesse sentido, mulheres negras seriam, em regra, as pessoas mais expostas a situações de violência urbana e de vulnerabilidade social, haja vista que as condições de gênero e raça acabam por determinar sua sociabilidade nos bairros menos urbanizados, com piores condições estruturais e mais sujeitos a situações de violência. A pesquisa é realizada com base em dados históricos e demográficos, mas também em literatura interdisciplinar sobre raça, classe e gênero, especialmente a partir do referencial teórico de Robert Ezra Park, Angela Davis, Loic Wacquant e Lélia Gonzales, complementado por textos de Milton Santos, Josué Mastrodi, Waleska Batista e Silvio Almeida.

Palavras-chave: Direitos Humanos. Desenvolvimento social. Criminologia Feminista. Mulheres negras. Violência urbana.

 

Biografia do Autor

Fernanda Carolina de Araujo Ifanger, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Professora do Programa de pós-graduação em Direito da PUC-Campinas.
Doutora e mestre em Direito pela Universidade de São Paulo.

Paola Fernanda Silva Mineiro, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Graduanda em Direito pela Puc-Campinas. Integrante do Grupo de Pesquisa Direito e Realidade Social e pesquisadora do Programa Institucional de Iniciação Científica da PUC-Campinas. Bolsa de iniciação científica: FAPIC/REITORIA - Programa de pós-graduação em Direito da PUC-Campinas. LATTES: http://lattes.cnpq.br/0772645853852422

Josué Mastrodi, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Professor dos programas de pós-graduação em Sustentabilidade e em Direito da PUC-Campinas Doutor em Filosofia e Teoria Geral do Direito pela Universidade de São Paulo  
Publicado
2021-08-11
Como Citar
de Araujo Ifanger, F. C., Silva Mineiro, P. F., & Mastrodi, J. (2021). Espaço urbano, violência e mulheres negras: Parte 2. Revista Brasileira De Sociologia Do Direito, 8(3), p. 214-236. https://doi.org/10.21910/rbsd.v8i3.491