Uma teoria para a prática: a sociologia reflexiva como possibilidade de construção de uma ciência rigorosa do direito

  • Francysco Pablo Feitosa Gonçalves

Resumo

Este trabalho se insere em uma pesquisa mais ampla; a qual, a partir de entrevistas semiestruturadas, aborda a construção do habitus dos bacharéis que atuam como docentes no campo das faculdades de direito em Recife. Dentro desse contexto mais amplo, tem por objetivo propor uma reflexão sobre as possibilidades da ciência social reflexiva de Pierre Bourdieu como base possível para uma ciência rigorosa do direito, tomando como objeto o que usualmente se chama de ciência jurídica e evitando o formalismo e o instrumentalismo. O trabalho apresenta um breve panorama da teoria para a prática que Bourdieu propõe; como o objeto da pesquisa foi construído e é exposto à objetivação; seguida de uma breve exposição crítica do atual panorama da ciência do direito e uma breve análise do campo das faculdades de direito em Recife.

Biografia do Autor

Francysco Pablo Feitosa Gonçalves

Doutorando em Direito na Universidade Federal de Pernambuco - UFPE, professor do Centro Universitário Leão Sampaio - Unileão.

Publicado
2017-09-01
Como Citar
Gonçalves, F. P. F. (2017). Uma teoria para a prática: a sociologia reflexiva como possibilidade de construção de uma ciência rigorosa do direito. Revista Brasileira De Sociologia Do Direito, 4(3). https://doi.org/10.21910/rbsd.v4n3set./dez.2017.92
Seção
Artigos